O guindaste móvel de torre MK 140 da Liebherr é a estrela secreta da Arena Verona

Hoje “Aida”, amanhã “Carmen”: Um MK 140 garante que a temporada 2019 na famosa arena de ópera de Verona transcorra delicadamente sobre o palco. Totalmente elétrica, nossa máquina compacta permite uma troca silenciosa e rápida do cenário. Leia o seguinte artigo de um convidado que é nosso parceiro de longa data, Schmidbauer, fornecedor premium de guindastes móveis de torre e transportes especiais.

O guindaste móvel de torre MK 140 desempenha um papel excepcional nos bastidores.

O guindaste móvel de torre MK 140 desempenha um papel excepcional nos bastidores.

“Attenzione! Attenzione!” Os funcionários da “Polizia locale” não realizam esse tipo de tarefa todos os dias: Passando pela zona de pedestres, entre turistas e moradores da região, policiais italianos escoltam um grande volume vindo de Munique até o famoso anfiteatro, o Fondazione Arena di Verona,. O guindaste móvel de torre MK 140 da Liebherr, enviado pelo fornecedor especial Schmidbauer, já pode ser visto de longe, rolando sobre cinco eixos numa rua estreita por trás do palco da construção de quase dois mil anos. O cliente é a Niederstätter AG, especialista em consultoria para empresas de construção civil.

O equipamento de 60 toneladas desempenha um papel excepcional nos bastidores. O guindaste de torre de Munique é em grande parte responsável pelo sucesso da temporada de concertos e óperas deste ano, de 13 de junho a 7 de setembro. O MK 140 não tem um nome sonoro como do Placido Domingo, que cantará no dia 4 de agosto comemorando seu aniversário de 50 anos de Verona, ou da soprano Anna Netrebko, que fará sua estreia no incomparável teatro no dia 28 de junho. Mas o guindaste móvel de torre fica sobre um platô de um metro de altura e, com sua ajuda, os elementos dos cenários são constantemente substituídos. Numa noite, o pórtico de pilares de “La Traviata”, e na seguinte, as poderosas torres para “Il Trovatore” – o guindaste especial móvel de Schmidbauer conduz tudo ao local designado, com agilidade. A estabilidade necessária no carregamento e na descarga é assegurada por nove toneladas de lastro adicional. Versátil e necessita de pouco espaço – um ator perfeito para Verona!

Graças à torre vertical do guindaste especial móvel, a instalação pode ser realizada diretamente no edifício.

Graças à torre vertical do guindaste especial móvel, a instalação pode ser realizada diretamente no edifício.

Torre vertical para um planejamento sem complicações

Apesar de seu tamanho impressionante, o guindaste móvel de torre MK 140 da Liebherr é operado por um só indivíduo. Em cerca de 20 minutos, ele pode ser montado com facilidade ao toque de um botão, realizar o trabalho em um espaço limitado, içar elementos com velocidade e posicioná-los no palco, e rapidamente se dobrar novamente. O guindaste de torre também não perturba a visão dos espectadores da ópera ou dos turistas de tal local histórico.

Graças à torre vertical do guindaste especial móvel, a instalação pode ser realizada diretamente no edifício. “O guindaste precisou ‘escalar’ quase 2 metros para fazer o seu trabalho, pois construímos um platô mais alto no local para a segurança do equipamento, devido ao espaço limitado disponível. Isso não é algo que se faz todos os dias”, explica Thomas Muswieck, técnico de serviço externo da Schmidbauer. Além disso, o guindaste móvel de torre é silencioso e livre de emissões, graças ao seu conceito de energia híbrida.

O MK 140 é a estrela secreta da Arena Verona

O MK 140 é a estrela secreta da Arena Verona

O trabalho impecável desta tradicional empresa poderá impressionar até 22.000 espectadores na temporada. Durante sua jornada saindo de Munique, o MK 140 já havia atraído a atenção de muitos motoristas ao passar pelo Brenner. O motor do guindaste móvel de torre trabalhou muito até finalmente alcançar o lugar pretendido em Verona. Chegando lá, a operação do guindaste ocorreu de forma totalmente elétrica – em total acordo com o meio ambiente, moradores e turistas.

Com cerca de 24 metros de altura, o anfiteatro é o terceiro mais antigo ainda preservado, depois do Coliseu de Roma e da Oval de Cápua. Desde 1913, só a famosa ópera “Aida” de Verdi foi apresentada em mais de 670 noites – neste ano ela terá um design de palco inspirado na encenação daquela época. Essa tarefa também será executada pelo MK 140, a estrela secreta dos bastidores, antes de retornar à Baviera no outono.